Massacre em Suzano: até onde jogos violentos podem influenciar a mente humana?

Semelhança entre assassino de Suzano  (direita) e personagem do jogo Free Fire  (esquerda) é notável. (Foto: Guiame) Autoridades ...

domingo, 20 de janeiro de 2013

Lebres, tartarugas e Big Brothers

Era uma vez umalebre e uma tartaruga que apostaram a vida na corrida do caminho. A lebre, veloz, desafiou a tartaruga, que, com frágeis passos, buscava uma improvável vitória. Poderia a persistente tartaruga vencer, mesmo diante de uma oponente tão forte? Mais do que uma fábula, tartarugas e lebres são modelos que tipificam nossa existência no caminho da vida. 

Nossa geração tem aversão a tartarugas. Lentas e pesadas, elas são inadequadas para a rapidez da era digital, que não valoriza a persistente e longa obediência no mesmo caminho. Em incessante movimento, nossa sociedade prefere as lebres, adaptadas para um rápido sucesso individual.

A valorização do forte é expressa na corrida de lebres do Big Brother Brasil. Assim como elas, o “BBB” busca pessoas aptas a competir. Boninho, diretor do programa, afirma que, no Big Brother, “você tem um melhor amigo na casa, mas ele é o seu maior inimigo. Ele está competindo com você. Só um dos dois vai ficar com o dinheiro. É muito cruel. A gente quer sempre provocar o pior neles, nunca o melhor. A gente não quer que todo mundo se abrace e diga que se ama”. Como lebres cruéis que se especializam em excluir, os “brothers” fazem da vida um jogo em que o sucesso vale mais que a fidelidade nos relacionamentos. Nossa geração cresceu assistindo e incorporando a cultura do Big Brother. Aprendeu a competir como alebre, mas clama pela constância e persistência da tartaruga, que permitem uma profundidade na experiência humana.

No Big Brother, a sexualidade se desintegra da vida relacional que floresce no compromisso de aliança. Para os “brothers”, o sexo é um meio para o sucesso, baseado na “moralidade da negociação”. Para esta, o escândalo está relacionado apenas ao estupro e à pedofilia, expressões de violência ao sexo consentido. Contudo, o problema da violação é mais profundo: a expressão sexual deixou de ser maravilhamento diante da singularidade do outro. A visão de uma sexualidade como mercadoria desvincula a experiência sexual da integridade do amor. Todavia, o mistério da sexualidade é o presente do seu ser entregue ao outro em compromisso; é o belo desafio de se viver como guardião da amizade, da promessa e da esperança.

A desarmonia em que vivemos, expressa no Big Brother, despreza o fraco, incentiva uma cultura de exclusão e desintegra a sexualidade da vida relacional enraizada. As lebres de nosso tempo valorizam a conquista individual, a competição e a força. Nossa geração -- formada em um ambiente consumista, que busca prazer imediato -- precisa lutar pelos prazeres que advêm da fidelidade nos relacionamentos, abrindo-se para uma experiência de verdade e comunhão.

É o povo de Deus que, ao redescobrir sua identidade como filhos amados, pode responder à cultura competitiva de exclusão. Ao afirmar a fraqueza da cruz, o evangelho abre espaço para todos os bichos -- tartarugas, lebres e até minhocas --, pois Jesus, o Leão de Judá, se tornou frágil Cordeiro.

A fidelidade nos relacionamentos é uma viva confissão de fé. O tempo dado a um amigo, parente ou cônjuge para florescer é afirmação de uma espera radical. Abrimos nossa vida, aprendemos a amar e formamos comunidades porque confiamos no amor de Deus que sustenta nossas frágeis e perseverantes iniciativas de amor. Por sermos filhos do Pai eterno, a confiança no amor cresce, aprendemos a ser verdadeiros “grandes irmãos” e a esperança nos relacionamentos reflete a esperança viva em Jesus.

Quando a corrida terminar, no paredão de Deus, saberemos que a cruz de Cristo foi como o casco pesado de uma tartaruga que caminha rumo à vitória. Muitos confiam em lebres; mas os que têm a coragem de afirmar que tartarugas vencem, confiam no Cordeiro de Deus, que amou a criação e entregou sua vida por todos os bichos.

Fonte: ultimato

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Faça comentários produtivos no amor de Cristo com a finalidade de trazer o debate para achar a verdade. Evite palavras de baixo calão, fora do assunto ou meras propagandas de outros blogs ou sites.

Marcadores

REFLEXÕES NOTÍCIAS LIÇÕES BÍBLICAS VIDEOS ESCOLA DOMINICAL DEVOCIONAIS COMENTÁRIOS ESTUDOS SAMUEL VIEIRA VIDA CRISTÃ EVENTOS SERMÕES PASTORAIS SILAS MALAFAIA JOSÉ GONÇALVES 2º TRIMESTRE 2012 HERNANDES DIAS LOPES POLITICA ILUSTRAÇÕES ELINALDO RENOVATO FAMÍLIA SILAS DANIEL 4º TRIMESTRE 2012 ALEXANDRE COELHO ELIENAI CABRAL 1º TRIMESTRE 2013 2º TRIMESTRE 2013 3º TRIMESTRE 2014 EPÍSTOLA DE TIAGO EVANGELHOS 3º TRIMESTRE 2013 DILMA ROUSSEFF MENSAGENS APOLOGÉTICA APOSTOLO CASAMENTO EPÍSTOLAS 2º TRIMESTRE 2014 4º TRIMESTRE 2013 FOTOS 3º TRIMESTRE 2012 FILIPENSES PROFETAS 1º TRIMESTRE 2015 2º TRIMESTRE 2016 4º TRIMESTRE 2014 ADULTOS DANIEL DOUTOR OS DEZ MANDAMENTOS DONS ESPIRITUAIS LUCAS MANDAMENTOS ROMANOS 2º TRIMESTRE 2015 CPAD ESEQUIAS SOARES HOMOSSEXUALIDADE 1º TRIMESTRE 2014 3º TRIMESTRE 2015 AGENDA MARIO SALES ÊXODO ELIEZER DE LIRA E SILVA RENATO BROMOCHENKEL ANTÔNIO GILBERTO 4º TRIMESTRE 2015 CRIME JOVENS MARCOS POLICIA REFORMA SÉRIES CLAUDIONOR DE ANDRADE FÁBULAS VIOLÊNCIA AUGUSTUS NICODEMUS LOPES ECLESIASTES GENESIS SALMOS ADULTÉRIO AÉCIO NEVES CIRO SANCHES ZIBORDI MARINA SILVA NATAL 1º TRIMESTRE 2012 FORNICAÇÃO FÉ E OBRAS HERESIAS LUIS INÍCIO LULA DA SILVA MARCO FELICIANO PROVÉRBIOS REINALDO AZEVEDO ANO NOVO BRASIL DINHEIRO INVESTIGAÇÃO MYLES MUNROE NAMORO PRESBÍTERO PROSPERIDADE SANTIFICAÇÃO SERMÃO DO MONTE 4º TRIMESTRE 2011 COPA DO MUNDO ESCATOLOGIA GEREMIAS DO COUTO GLOBO MULHER NELSON NED NOVELAS PETROBRAS PETROLÃO PORNOGRAFIA SEXO DEPUTADOS DIÁCONO EDUCAÇÃO ENTREVISTA FESTA FILHOS LAVA JATO LIBERALISMO LIDERANÇA MAGNO MALTA. MARIA MARTA MARTINHO LUTERO OBREIROS ORAÇÃO PARÁBOLA PRESIDENTE SABEDORIA 1º TRIMESTRE 2016 1º TRIMESTRE 2018 ADORAÇÃO ATIVISMO ATOR C. H. BROWN CORRUPÇÃO CUBA DENZEL WASHINGTON DIVÓRCIO ELIAS FILMES GRATIDÃO ISRAEL JEAN WYLLYS MARCHA PARA JESUS NORBERT LIERTH OPERAÇÃO PREGADORES PROTESTO REYNALDO ODILO SACERDOTES SAMUEL F.M. COSTA SEXUALIDADE TEOLOGIA TRABALHO 3º TRIMESTRE 2016 4º TRIMESTRE 2008 4º TRIMESTRE 2016 4º TRIMESTRE 2018 ABEL AGIOTAGEM ALEGRIA AMIGOS AMIZADE AMY WINEHOUSE ANCIÃO ARROGÂNCIA BABILÔNIA BIBLIOLOGIA BISPO CAIM CALVÁRIO CHARLES HADDON SPURGEON CHARLES R. SWINDOLL CORDEIRO CRIANÇAS CRISTO CRITICAS CÓDIGO DA VINCI DESIGREJADOS ELIEZER RODRIGUES ENVELHECER EUNÁPOLIS EXPOSITIVO F FARSA FEMINISMO FERNANDO HENRIQUE CARDOSO GOMORRA HERRY POTTER HOMILÉTICA HUMILDADE INIMIGOS INIMIZADE JEJUM JOHN ANKERBERG JOHN WELDON JORDÃO JUSTOS LARRY WILSON LEIS LÍNGUA MAR VERMELHO MARCHISMO MARK BROWN MESTRE MOISÉS MUSICA NAMOROj NETO GUERRIERI OSTENTAÇÃO PASCOA PERDÃO PILATOS PREFEITOS PROVAÇÕES RELIGIÃO SALVAÇÃO SEGURANÇA SELEÇÃO BRASILEIRA SENADOR SODOMA TEMOR TEMPERAMENTOS TENTAÇÃO TESTEMUNHO VINDA DE CRISTO WARREN WIERSBE WILLIAM MACDONALD XUXA ÍMPIOS ÓDIO