quarta-feira, 16 de agosto de 2017

Faça o que você é

O conhecido slogan da Nike é “Just do it!” (Apenas faça isto!), e ele tem sido levado a sério por milhões de pessoas que “apenas fazem isto”, sem refletir sobre “o que é isto”, e porque devemos “fazer isto”.


Certamente uma melhor abordagem seria “Do what you are!” (faça o que você é!), proposta por Os Guiness. Isto é muito importante numa geração em que as pessoas são muitas vezes definidas pelo que fazem. “Muito mais que um nome ou lugar de nascimento, o emprego nos ajuda a colocar as pessoas no mapa de nossa mente. Afinal de contas, o trabalho, para a maioria de nós, determina grande parte de nossa oportunidade de significado e a quantidade de bem que somos capazes de produzir em uma vida. Além do mais, o trabalho toma tantas horas do nosso dia em que estamos acordados, que nossos empregos passam a definir-nos e dar-nos identidade. Tornamo-nos aquilo que fazemos”.

O senso de identidade e propósito reverte tal pensamento. Em vez de “você é o que você faz”, este pensamento diz: “faça o que você é”. O grande sentido surge quando identificamos a essência do que somos em relação a Deus e à eternidade. “Nossos bens e destinos não estão expressamente nos desejos de nossos pais, os planos do patrão, as pressões de nossos desejos, os prospectos desta geração ou as exigências de nossa sociedade”.

Naturalmente, o chamado para “fazer o que somos”, pode ser interpretado como cheque em branco para a preguiça, negligência e desculpas para o eventual fracasso e a auto-indulgência. A verdade é que, para a maioria das pessoas, não existe encaixe feliz entre trabalho e senso de propósito. Certa pessoa estava reclamando da dureza do seu trabalho e às pressões que enfrentava no seu escritório quando alguém lhe disse: “Se fosse fácil, não seria trabalho, e sim lazer”.

No meio da luta , cobrança e pressão pelo sucesso, precisamos entender não somos máquinas geradoras de riqueza para a burguesia no sistema capitalista, mas nossa identidade encontra-se em Deus. Nossa identidade, e não a funcionalidade, é o que deve nos guiar. É neste sentido que é oportuno dizer: “Faça o que você é!”
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

VOCÊ ESPECIAL

GOOGLE +