Quando a religiosidade toma o lugar da obediência a Deus

Ao longo da história, em vários lugares, em diversas ocasiões, o povo de Deus substituiu a obediência pelos rituais religiosos. Foram zel...

Pr. Geremias do Couto comenta sobre "Marco Feliciano e a Comissão de Direitos Humanos"

O PT preparou a armadilha. Os "ingênuos" caíram nela. Agora, pagamos o preço. É assim que percebo o imbróglio que envolve a eleição do Deputado Federal Marco Feliciano para a Comissão de Direitos Humanos da Câmara dos Deputados. Mas para tornar claro o ponto, preciso retroceder às eleições presidenciais em 2010.


Muitos devem lembrar-se que Dilma Rousseff só não ganhou no primeiro turno em virtude de seus posicionamentos anteriores em defesa do aborto, do casamento entre pessoas do mesmo sexo e de seu agnosticismo, direito este, aliás, que não nos cabe questionar, pois fé é uma questão pessoal. A campanha contra ela tomou as ruas, com o aval do bispo de Guarulhos, SP, e de segmentos evangélicos que compreendem tais questões como princípios invioláveis, entre os quais me incluo.

É tanto que Dilma Rousseff teve de "reorientar" as suas convicções religiosas, para o segundo turno, ao declarar-se católica e temente a Deus, chegando mesmo a participar de uma missa e a persignar-se no Santuário de Aparecida, de forma atrapalhada, segundo os que entendem do assunto. Em relação aos evangélicos, reuniu-se com cerca de 51 líderes para afirmar que a discussão das questões acima mencionadas ficariam restritas ao Congresso Nacional e divulgou posteriormente uma carta aos evangélicos em que alinhava os seus compromissos, os quais desconstruí um por um neste blog 

Enquanto isso, o PNDH 3, tal qual o jabuti na árvore, continuava a avançar nas áreas técnicas do governo. Mas os "ingênuos" acreditaram nas promessas. Até o Deputado Federal Marco Feliciano aliou-se em defesa da eleição de Dilma, escrevendo-lhe uma carta de apoio, onde tentou pôr na conta do PSDB a transformação de igrejas em associações, algo que jamais correspondeu aos fatos, que tive também de desmentir neste blog. Dilma ganhou a eleição. Mas o PNDH 3 continua lá.

Aqui chegamos à situação em que estamos hoje. Faltam dois anos para as próximas eleições presidenciais. A meu ver, o PT abriu mão da CDH para dar um discurso de tolerância ao partido e permitir que Dilma possa dizer que cumpriu o seu acordo com os evangélicos. Afinal, a maioria de seus membros pertence à fé evangélica. Os "supostos" defensores dos direitos humanos estão em minoria. A grita que fizeram talvez até já estivesse ensaiada. O que eles não contavam, provavelmente, é que ela se espalhasse pelo país e tomasse a proporção que tomou.

O fato é que Marco Feliciano continua na presidência da CDH e não acredito que saia de lá. A única coisa que precisa ficar bem esclarecida é que esse é um acordo estritamente partidário, sem qualquer aliança com as igrejas evangélicas, representadas pelos respectivos concílios e convenções, embora algumas entidades paraeclesiásticas progressistas tenham também assumido para si a campanha de tentar defenestrá-lo da posição. Vale ressaltar, no entanto, que as decisões no âmbito da Câmara dos Deputados se regem por normas regimentais e pelos acordos partidários, onde as questões religiosas não entram em jogo. Seria um ato antidemocrático e intolerante se as pressões dos grupos "gaysistas" prevalecessem para impedir que Marco Feliciano assumisse a presidência por ser pastor e defender posições contrárias. Afinal, qualquer parlamento representa a média do pensamento do país. Não se deve também deixar de levar em conta que o Deputado foi legitimamente eleito por cerca 210 mil votos.

Creio que o episódio precisa ficar restrito ao campo político, sem transbordar para outras áreas. Protestos fazem parte do jogo democrático. Dentro dos limites da lei, é óbvio. Todavia, quando grupos organizados vão promover suas algazarras na frente dos templos onde o pastor Marco Feliciano faz as suas pregações, isto não só ultrapassa os limites do bom senso, como interfere de forma ilegal no princípio da inviolabilidade de culto. É um ato ilegal que precisa ser punido com o rigor da lei. Cabe, por outro lado, o mesmo princípio para muitos de nós que, sob o pretexto de evangelizar, invadimos espaços de outras fés religiosas e não queremos ser cobrados pela mesma violação. Acho, também, que quanto mais entramos em discussões acaloradas com os grupos "gaysistas", mais damos a eles os espaços que querem para aparecer. Sou de opinião que o melhor é defendermos o que cremos e, ao mesmo tempo, ignorá-los.

Com isso, quero dizer que a decisão tem de ser discutida no âmbito em que ela foi tomada e não trazida para o terreno da fé, com o intuito de produzir uma guerra religiosa, o que mais querem os radicais do autoritarismo esquerdista para apimentar o seu discurso em favor da restrição da liberdade. Sei que o pastor Marco Feliciano, desde a eleição de Dilma Rousseff, tem sido mestre em frases desastradas. Uma de suas pérolas foi esta: "Nesse regime não vai ter assassinato de criança [em referência ao aborto], não vai ter maldades nesse regime (sic). Vou repetir o que os petistas me disseram: 'vamos primar pelos costumes cristãos deste país. O Brasil continuará cristão." É muita "ingenuidade" numa pessoa só! Mas a sua escolha para a presidência da CDH é unicamente da alçada de seu partido e dos demais que concordaram com todos os procedimentos, inclusive o PT, pelo que, a meu ver, são as razões de fundo já descritas acima. Quanto as posições que ele e outros parlamentares evangélicos defendem, no campo dos valores morais, são também as minhas. Mas soa contraditório para esses mesmos parlamentares estarem com um pé numa canoa e o outro noutra. No fundo, o PT os deixou numa saia justa.

Espero, por fim, que esse episódio tenha servido de lição para o Deputado Federal Marco Feliciano, no sentido de que ele ouça mais e fale menos, principalmente quanto as inconsistências que têm permeado os seus discursos. Tudo na vida tem sentido pedagógico. Basta queremos aprender. Só não podemos deixar que a armadilha do PT prospere para as próximas eleições presidenciais.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Faça comentários produtivos no amor de Cristo com a finalidade de trazer o debate para achar a verdade. Evite palavras de baixo calão, fora do assunto ou meras propagandas de outros blogs ou sites.

Marcadores

1º TRIMESTRE 2012 1º TRIMESTRE 2013 1º TRIMESTRE 2014 1º TRIMESTRE 2015 1º TRIMESTRE 2016 1º TRIMESTRE 2018 2º TRIMESTRE 2012 2º TRIMESTRE 2013 2º TRIMESTRE 2014 2º TRIMESTRE 2015 2º TRIMESTRE 2016 3º TRIMESTRE 2012 3º TRIMESTRE 2013 3º TRIMESTRE 2014 3º TRIMESTRE 2015 3º TRIMESTRE 2016 4º TRIMESTRE 2008 4º TRIMESTRE 2011 4º TRIMESTRE 2012 4º TRIMESTRE 2013 4º TRIMESTRE 2014 4º TRIMESTRE 2015 4º TRIMESTRE 2016 4º TRIMESTRE 2018 ABEL ADORAÇÃO ADULTÉRIO ADULTOS AÉCIO NEVES AGENDA AGIOTAGEM ALEGRIA ALEXANDRE COELHO AMIGOS AMIZADE AMY WINEHOUSE ANCIÃO ANO NOVO ANTÔNIO GILBERTO APOLOGÉTICA APOSTOLO ARROGÂNCIA ATIVISMO ATOR AUGUSTUS NICODEMUS LOPES BABILÔNIA BIBLIOLOGIA BISPO BRASIL C. H. BROWN CAIM CALVÁRIO CASAMENTO CHARLES HADDON SPURGEON CHARLES R. SWINDOLL CIRO SANCHES ZIBORDI CLAUDIONOR DE ANDRADE CÓDIGO DA VINCI COMENTÁRIOS COPA DO MUNDO CORDEIRO CORRUPÇÃO CPAD CRIANÇAS CRIME CRISTO CRITICAS CUBA DANIEL DENZEL WASHINGTON DEPUTADOS DESIGREJADOS DEVOCIONAIS DIÁCONO DILMA ROUSSEFF DINHEIRO DIVÓRCIO DONS ESPIRITUAIS DOUTOR ECLESIASTES EDUCAÇÃO ELIAS ELIENAI CABRAL ELIEZER DE LIRA E SILVA ELIEZER RODRIGUES ELINALDO RENOVATO ENTREVISTA ENVELHECER EPÍSTOLA DE TIAGO EPÍSTOLAS ESCATOLOGIA ESCOLA DOMINICAL ESEQUIAS SOARES ESTUDOS EUNÁPOLIS EVANGELHOS EVENTOS ÊXODO EXPOSITIVO F FÁBULAS FAMÍLIA FARSA FÉ E OBRAS FEMINISMO FERNANDO HENRIQUE CARDOSO FESTA FILHOS FILIPENSES FILMES FORNICAÇÃO FOTOS GENESIS GEREMIAS DO COUTO GLOBO GOMORRA GRATIDÃO HERESIAS HERNANDES DIAS LOPES HERRY POTTER HOMILÉTICA HOMOSSEXUALIDADE HUMILDADE ILUSTRAÇÕES ÍMPIOS INIMIGOS INIMIZADE INVESTIGAÇÃO ISRAEL JEAN WYLLYS JEJUM JOHN ANKERBERG JOHN WELDON JORDÃO JOSÉ GONÇALVES JOVENS JUSTOS LARRY WILSON LAVA JATO LEIS LIBERALISMO LIÇÕES BÍBLICAS LIDERANÇA LÍNGUA LUCAS LUIS INÍCIO LULA DA SILVA MAGNO MALTA. MANDAMENTOS MAR VERMELHO MARCHA PARA JESUS MARCHISMO MARCO FELICIANO MARCOS MARIA MARINA SILVA MARIO SALES MARK BROWN MARTA MARTINHO LUTERO MENSAGENS MESTRE MOISÉS MULHER MUSICA MYLES MUNROE NAMORO NAMOROj NATAL NELSON NED NETO GUERRIERI NORBERT LIERTH NOTÍCIAS NOVELAS OBREIROS ÓDIO OPERAÇÃO ORAÇÃO OS DEZ MANDAMENTOS OSTENTAÇÃO PARÁBOLA PASCOA PASTORAIS PERDÃO PETROBRAS PETROLÃO PILATOS POLICIA POLITICA PORNOGRAFIA PREFEITOS PREGADORES PRESBÍTERO PRESIDENTE PROFETAS PROSPERIDADE PROTESTO PROVAÇÕES PROVÉRBIOS REFLEXÕES REFORMA REINALDO AZEVEDO RELIGIÃO RENATO BROMOCHENKEL REYNALDO ODILO ROMANOS SABEDORIA SACERDOTES SALMOS SALVAÇÃO SAMUEL F.M. COSTA SAMUEL VIEIRA SANTIFICAÇÃO SEGURANÇA SELEÇÃO BRASILEIRA SENADOR SÉRIES SERMÃO DO MONTE SERMÕES SEXO SEXUALIDADE SILAS DANIEL SILAS MALAFAIA SODOMA TEMOR TEMPERAMENTOS TENTAÇÃO TEOLOGIA TESTEMUNHO TRABALHO VIDA CRISTÃ VIDEOS VINDA DE CRISTO VIOLÊNCIA WARREN WIERSBE WILLIAM MACDONALD XUXA